9.5.13

Momento 3

Afinal já aconteceu e é de facto digno de nota.

Então que lá fui ao dia das mães no colégio. Tudo muito bem. Ou tudo muito mal. Como são duas filhas, são 2 festas. E como sou da acérrima opinião que cada uma deve ter o seu momento com a mãe, vou à vez a cada sala e não levo uma para a festa da outra. 

Após a festa da Mercês tive que correr para a festa da Rosarinho, edifícios diferentes, lados da avenida opostos. 

Mercês a começar a soluçar quando lhe explico que vou ter com a mana e blá blá blá... Mercês a chorar e eu a explicar tudo, a verdade verdadeira que não quero cá traumas do tipo tu mentiste... Não, na não! 

- Mercês enquanto a mãe vai e vem tu ficas com o IPad e tomas muito bem conta e brincas um bocadinho, pode ser?

E, minutos depois quando atravessei a avenida para o lado de lá, fui transportada em LOOoOOoOoOoOoP para dias atrás quando tive a feliz ideia (FELIZ?) de me fotografar em cuecas e soutien frente ao espelho com o iPad à frente da cara. Quando tive a FELIZ (?) ideiaaaaaaaaa ( mesmo agora estou aos gritos, gritos introspectivos, ai ai ai eu as minhas tristes ideias!) De que caverna saí eu senhores? De uma bem funda, a ver pela bela da fotografia em cuecas, com o pior soutien da história, mamas descaídas? Peanuts, aquilo são melões enfiados num soutien coçado... Ai esperem não é coçado que se diz é... Ah... Anti... Confortável... Homens... Soutien de domingo de faxina! Isso! Podem imaginar?

Esta fotografia tinha o absoluto propósito de me fazer cumprir a dieta e sonhar com o dia em que a colocarei ao lado de uma outra fotografia, a do depois, em biquini, bronzeada e tal... Esta fotografia tem cumprido a função gente, Ah se tem!

E o que é que isto tem a ver com a santa da criança ficar com o IPad enquanto eu vou ali e já volto? 

Não era sequer um problema NÃO SE DESSE O CASO de que o maior delírio da minha rica filha Mercês é o absoluto fascínio de passar horas a ver fotografias no IPad! 

Portanto pessoas, não sei quem viu, não sei se viram, nunca saberei, resta- me imaginar!

Daí minha boa gente, o momento 4, o momento em que entro no colégio do outro lado da avenida e peço um punhado de bolachas Maria... Para me acalmar os tremores, não sei se da quebra de tensão ou da possível imagem das educadoras de volta do IPad e eu com o soutien confortável! CONFORTÁVEL! 

Posso? Eu posso com isto caros? Posso sim, que uma mãe pode tudo! A miúda a chorar é que não! Resta-me fechar a goela e sonhar com a fotografia do depois! Rica sorte a minha! Confortável... Pois tá bem... Pfffffff! Vou ali ver catálogos de biquinis masé! Fui gente!

3 comentários: