1.10.12

Mega MEGAFOOOOOOOONE!

Confirma-se. A solução é mesmo um megafone.
E não usarei o meu megafone apenas em casa, ou mesmo na rua atrás de minhas crianças ou para chamar querido marido, sem ser preciso repetir o chamamento várias vezes.
Descubro por estes dias uma série de momentos em que o meu megafone me teria dado um jeito imeeeeeeensoooo!
No supermercado:
2 Crianças, uma mãe, um carrinho de compras. 2 Crianças dentro do carrinho de compras, porque senão, em menos de nada, seriamos 2 crianças, um carrinho de compras e 1 mulher possessa provavelmente a abocanhar alfaces e couves roxa para se acalmar.
Depois de muitos "Por favor não mexas!”, “Larga isso, já te disse!”, “NãOO PIseS as COMprAS, TiirAAAAAA DaÍIIII os pés!”, momentos surreais em que eu já estou a gritar coisas desconexas como: “NÃO LAMBAAAAAAAAAS O CARRRRRRRRRRIIIIIIIIIIIINHO, MAS QUÉ ISSO, MAS QUÉ ISSOOOOO, EU ENDOIDEÇO COM VOCêEEEEEEEEEEEES!”. Depois de muitas pessoas passarem por nós e revirarem os olhos para mais uma mãe à beira da insanidade prematura ou lançarem olhares reprovadores para o meu histerismo, o qual, julgam eles, é apenas gratuito! A ver vamos se o ataque hemorroidal que lhes desejo os porá menos histéricos que eu, ah ah! Porque isto de ser mãe tem muito que se lhe diga, caros, há todo um conjunto de mazelas que ficam após um parto, portanto se muitas mães têm uma tendência histérica dentro de si, relembro-vos que o respeito por quem põe gente neste mundo deveria ser supremo!
Então que chegamos à caixa. A Mercês brinda-me com um atirar das compras para o tapete rolante e, qual pepe-mãozinhas, começa a sacar as coisas, com uma rapidez de louvar, pelo outro lado do detector de alarmes e a atirar as compras de volta, agora em voos acrobáticos, de volta para o tapete: “Pára! Páaaaaaaaaaaraaaaaaaaa com issoooooooo! Ai porra, pá! Eu já estou a enlouquecer! A(/&/&T&/&%R66gw76e53*P**P=?’o! ARFO, ARFO, ARFO, acho que por vezes me oiço rosnar, e nada querem lá saber! E é a arfar que chego à caixa.
E atrás da caixa uma delicada menina, novinha, olha para mim, e diz-me: “Tem que ter calma, não se enerve, faça como eu que nunca me enervo, sempre calma e…”. Só faltavam os passarinhos a sobrevoar-lhe a cabeça PIU PIU PIU!
Mega MEGAFOOOOOOOONE!
- OIÇA LÁ TEM FILHOS? – Quando o único registo a que já nos habituamos são os gritos, um megafone seria com certeza ainda mais eficaz, estão a imaginar o nível de decibéis?
 - Ainda não! – Com sorrisinho idiota e ainda os passarinhos por cima da cabecinha, a girar, a girar!
Mega MEGAFOOOOOOOONE!
 - POIIIIIIIIIIIS! Então guarde lá a sua calma, descanse enquanto pode e depois (Mega MEGAFOOOOOONE!) DEPOIS LOGO ME DIRÁAAAAAA, OKAIIIIIIIIIIIIII?
Outro local onde eu adorava ter um Mega MEGAFOOOOOOOONE era nas lojas.
Na Primark, de todas as vezes que lá vou, sou sempre perseguida, e isto é mais certo que o meu diagnóstico de insanidade prematura, lá pelo meio dos cabides e charriots, por uma pessoa-melga, daquelas que fala sozinha e quer conversa. “ Ai, não sei estas calças, se calhar levo encarnadas, se calhar às bolas…” Eu afasto-me! “Isto não sei…talvez aquilo” Eu afasto-me! A pessoa-melga nunca desiste, começa a fitar-me e a querer rir para mim, com pares de calças 100% Plastic from China em cada mão e outras cenas China-Made ao pendurão nos ombros. E eu afasto-me! E a criatura continua naquele sussurro, aquele sussurro… Mega MEGAFOOOOOOOONE! “ Ó MuLHERRR, ARGGGGGGGGGGG, ARRRRRE, XIIIIIIIIIIIIISPAAAAAAAAA! NÃO QUEROOOOOOOO C.O.N.V.E.R.S.A.S, OKAAIIIIIIIIII? FÓOOOOONIX, MEUUUUUUUU!”
Já aqui tinha comentado o detalhe da minha falta de simpatia, verdade? Pois que sou carrancuda e gosto mesmo muito de estar na minha. Incrivelmente tenho grandes amigos e amigas, um grupo de beneméritos que me atura as neuras, boa gente, essa!
Claro que o tinhoso do café não se livrará do meu Mega MEGAFOOOOOOOONE  “Boooooom diiiiiiia, um caféeeeeeee por favooooooooor, e XIIIIIIIIIUUUUUUUUUUU!”.
Mega MEGAFOOOOOOOONE Boaaaaaaaa semanaaaaaaaa!

2 comentários:

  1. ehehhehe adoreiiii o que li-comigo acontece-me o mesmooooo e fico capaz de fulminar tudo e todos -por aqui são 3 pronto a pequenina ainda tema desculpa de ser muito pequenina cánervesssss e o ar entendido das pessoas enerva mais que os putos.
    já eu que até sou simpática e tudo ...tb nã gosto de gente a meter conversa...ufa afinal somos um mar de mães descabeladas enervadas , cáneura a precisar de megafone -fico mais descansada

    ResponderEliminar
  2. ri-me muito com este post. muito mesmo! :)

    ResponderEliminar