28.1.13

Contado ninguém acredita…eles andam aí! No meio de nós! E são doidos! Muito doidos!

Há uns anos entrei numa casa. Tudo desarrumado. Os meus pés a colarem ao chão. Todo peganhoso. A mesa por levantar. Roupa suja, lavada, amarrotada, por todo o lado cestos de roupa. Camas por fazer, almoço ao lume. Uma mulher descabelada, atarefada. Um miúdo pequeno. Um homem a dizer-me: “ A mulher é sozinha. Faz tudo sozinha sabe? Somos nós, o miúdo, que coitadinho morreu-lhe a mãe, e o nosso filho, pai do miúdo. A mulher tem que tratar de tudo e de todos.”
Comecei a ferver no momento em que começou a tratar a mulher por “A mulher”. Que raio, é a mulher dele não poderia dizer “a minha mulher”? “A mulher” parece “A coisinha” que ali está… Enfim, como este há muitos.
Não saí de lá sem lhe dizer qualquer coisa do género: “ Uma mulher, dois homens, seis mãos, podiam todos ajudar, não acha?” Sorriu apenas, nem deve ter percebido. Homens a trabalhar em casa? Dah, Julieta! Daaaaaah!
Hoje entra um tipo aqui na loja à procura de uma empregada.
- Sabe sou sozinho e tal… tenho a casa cheia de pó… preciso que lá vá uma mulher, porque as mulheres é que sabem… sabe?
- (Não, não sei ó otário! Temos cena! Oh Yeah!) Ah, não conheço ninguém mas posso ficar com o seu contacto pode aparecer alguém à procura de trabalho. Quem sabe. E uma empresa de limpezas? Já ponderou essa hipótese?
Eu tenho uma pachorra... a sério! Até eu fico admirada! Porque é que eu não mando logo esta gente dar uma volta, sem regresso? Why?
- Essas empresas estão cheias de romenas e brasileiras, umas são ladras, as outras se eu quiser vou ao Parque Eduardo VII e arranjo uma prostituta e de madrugada tenho a casa limpa. Se é para me arranjar uma dessas não quero. Essas pessoas chegam cá só para roubar. Eu entrei nesta loja porque vi estas fitas e pensei: “Aqui há senhoras… “. Bem achei que fossem velhas mas deparo com uma senhora nova, ah, ah, ah! Então já sabe, tem que ser de cá, que as de cá nunca ouvi que fossem ladras. O meu amigo pôs lá uma brasileira, ela engravidou, depois meteu-o em tribunal, foi para o Brasil e agora está lá posta com 400€ por mês, é uma senhora! Dessas não!
Por esta altura eu já tinha a certeza que nunca lhe daria o contacto de ninguém. Depois ainda falou em 3€ à hora – Ah, AH, AH agora rio eu a bandeiras despregadas - Ó criatura, isso ganham os enfermeiros, os arquitectos, etc, doutoradas em esfregonas ganham o dobro – Ah, Ah, Ah!
Só me saem duques!
- Eu espero que a opinião que os estrangeiros têm dos emigrantes portugueses, dos milhares de jovens, rapazes e raparigas, que debandam deste país diariamente, seja bem diferente da sua opinião em relação aos emigrantes, no nosso país…
- Eu é que sei porque eu leio jornais… Romenas e brasileiras são putas e ladras, por esta ordem. Veja-me lá isso. Agradecido.
É que não vou ver nada! Este palerma que se agarre ao pano do pó e comece por limpar os preconceitos que lhe povoam as entranhas. Que idiota. Opinião de quem já teve empregadas de várias nacionalidades, que até já foi roubada, mas não generaliza.
Portanto, aqui fica registado, em jeito de memória futura:
Loja de meias de descanso? Não. Retrosaria? Não. Agência de empregadas de limpeza? Não.
Sirgaria e passamanaria? Sim. Abatjours? Sim. Aulas de costura? Sim, e também para homens. De cabeça limpa, claro está! Isto é o que podem encontrar aqui no estaminé! O.K.?
E hoje uma senhora entrou aqui na loja e disse:
- Bom dia, ah… ah… se calhar não têm… galões têm?
Sou eu? É de mim? Ou anda tudo doido?
People comé que é? Menes, e depois o outro é que fuma cenas maradas!
E roda mais uma semana, gente! Que seja boa!

3 comentários:

  1. Olá,nossa adoro esse blog,só tem artigo bom,sempre que dá estou passando aqui,depois que meu amigo me recomendo nunca mais deixei de visitar,alguem sabe me falar se assim aqui é bom www.softwarecelularespiao.org ? abraços,assim que der eu volto pra comentar aqui no blog

    ResponderEliminar
  2. só tem artigo bom? às 04:45? Cuidado com este cromo, cheira-me a esturro... por isso não o vou apagar! Atentem, pessoas!

    ResponderEliminar