22.10.13

Alfabeto de Mãe. E também de Pai. Benza-os Deus.

A de “Acooooooooordem”! – de utilização diária;

B de “Bora lá miúdas, boraláaaaaaaaa!” – repetida à exaustão;

C de “ Cansada, cansada, cansadíssima!” – modo de vida;

D de “Dá cá isso, não metas na boca!” – é incrível o que metem na boca;

E de “Estafada, estafada, estafadíssima!” – lifestyle;

F de um grande e redooOOOOOOndo “FODASSSSSSSSSSE”! (sem hífen!) – fodassssse!

G de “Gosto de vocês, miúdas” – e muito;

H de “Hoje vão-se portar bem, não vão?” – pessoa de fé;

I de “IMEDIATAMENTE!” – prece nunca atendida pelos petizes;

J de “Já!” – caminhadas a pé a Fátima costumam demorar menos tempo;

L de “Laurear a pevide!” - Pois está muito bem! Mas isso acabou, no mesmo dia da confirmação da gravidez, foi chão que deu uvas, rebeubeu pardais ao ninho, temos pena é o que é;

M de “ Mau mau Maria!” – aplicação versátil, usada mesmo que a criança se chame cátia sofia;

N de “NÃO”! – não, não e não;

O de “ÓOOOooooOOOOOOoOOOo pá, quietas”! – as crianças são surdas;

P de “Parouuuuuuuuuuuuuu! Parouuuuuuuu! Parem!” – surdas que nem portas;

Q de “Queira Deus que eu as consiga criar para que venham a ser adultas responsáveis e honestas” – ai a fé, moverá montanhas? As mães todos os dias se reinventam e acreditam que sim;

R de “Raios parta isto tudo!” – de joelhos, no chão da cozinha, a apanhar grãos de arroz, bocadinhos de carne, de peixe, de fruta, do almoço de hoje ou do jantar de há 3 dias nos sitios mais incriveis;

S de “Saúde!” – o único e mais sentido desejo de uma mãe;

T de “Tás aqui, tás ali ! “ – onde?;

U de “ Ui, ui, ui”! – temos chatice ;

V de “Vai já arrumar o quarto!” – é por isto que as crianças vão ao otorrino;

X de “XIU!” – os cérebros infantis não conseguem descodificar esta informação, é inútil repeti-la;

Z de “ Zonza de sono, zonza de fome, zonza de amor! – a palavra zonza devia ser tatuada nas mães ainda na maternidade para que o mundo perceba o quão difícil é conciliar tudo, e o quanto têm de ser gratos às mães porque no meio do caos elas safam-se sempre.

Não safamos? Boa semana Mães (e pais, e avós, e tias, e madrastas e padrastos, e toda a gente que lida com petizes, que são uns amores, que são mas que dão muito trabalho, ó se dão!)

(Nota: este abecedário é interactivo, cada mãe sua sentença!)



2 comentários:

  1. "F de um grande e redooOOOOOOndo “FODASSSSSSSSSSE”! (sem hífen!) – fodassssse!"

    Tal e qual!

    ResponderEliminar