7.1.13

Diálogos entre marido e mulher ou puns de vaca.

Estávamos a ver um programa na televisão que, entre outros assuntos de extrema importância, debatia essa grande questão acerca de dar ou não dar puns ao pé da cara-metade, se realmente acontece ou se “Deus nos livre e guarde”.

Ora eu, mente curiosa olho para meu rico marido e pergunto-lhe, sem sequer esperar uma resposta:

- Para onde irão os puns? O que será que acontece para se esfumarem na atmosfera?

Não fosse eu casada com uma Enciclopédia do Readers Digest e nunca ficaria a saber isto, num sábado a noite:

- Sabias que os puns das vacas são responsáveis por grandes níveis de poluição na atmosfera? Sabias que poluem mais que os automóveis? Que os gases lançados são tão nocivos para a atmosfera que já há cientistas a tentar, há anos uma resolução para este gravíssimo problema?

- Onde é que tu lês estas coisas?

Quem conhece o meu rico marido sabe desta sua apetência para enciclopédia, base de dados, é-lhe inato, e incrível. Surpreende-me sempre! Quando eu perguntei esperava apenas um ar de nojo e "tás masé parva" ou "eu sei lá para onde vão os puns"! Qualquer coisa menos uma explicação pormenorizada de um problema global!

Não contente com a inicial explicação que me deu, saca rapidamente do “Ai-funinho” e toca de me descrever situações, estatísticas oficiais, outros animais igualmente responsáveis por libertarem gases maléficos para a nossa atmosfera… sempre com uma cara séria e tez preocupada com isto dos puns libertados sem controlo.

E insistia:

- Sabias que o gás metano libertado pelos animais é 23 vezes mais poderoso que o dióxido de carbono?

Pronto já chega. Também não quero uma mega explicação científica debruçada sobre o tema Puns. Obrigadinha. Deixa lá isso. Eu não sabia. Fiquei a saber. M.E.D.O!

Agora que penso nisso: “Opá e na India que elas andam para lá soltas como é que é?” Ui! Ui!

Pois que agora há que pensar duas vezes antes de… UPS! Seja lá ao pé de quem for…UPS! Serão os puns de gente tão nocivos como os das vacas e congéneres?

Boa semana!

3 comentários:

  1. E eu a achar que nos Açores se respirava ar puro!
    Mas com tanta vaca...

    ResponderEliminar
  2. ahahahah tal e qual :) e eu a pensar que só a mim e na minha casa me calhava disto. eu não sei onde eles arranjam tempo para saber tanta mas tanta informação e histórias e estatísticas sobre os mais diversos assuntos... seremos nós mais selectivas e só lemos sobre coisas verdadeiramente "urgentes" ??

    ResponderEliminar
  3. Eu passo por tanta vaca todos os dias... que não sei como é possível estarmos ainda vivos. Mas é que é com cada uma...!

    ResponderEliminar